apps de dating
apps de dating
Apps
Digital Culture

Dating em Portugal:
As melhores apps

Quando se fala em apps de encontros, o mais provável é a palavra “Tinder” ser a primeira coisa que te vem à cabeça. Apesar do mercado das aplicações de encontros ser liderado pela empresa do “swiping” (em português, deslizar), há apps para todos os gostos e preferências.

A menos de uma semana do dia mais romântico do ano, damos-te a conhecer dez alternativas ao Tinder, para ver se a seta do cupido online te atinge ainda a tempo do dia 14 de fevereiro.

Meetic

O Meetic é o líder europeu de encontros pela Internet e, ao contrário de muitas empresas de dating, começou primeiro em mobile (em 2003). Segundo o site, já foi responsável por juntar 6 milhões de casais e tem presença em 15 países. Para além das conexões online, o Meetic tenta também fomentar ligações offline - organiza cerca de 120 eventos mensais para solteiros se conhecerem cara a cara e de maneira descontraída.

OkCupid

O OkCupid é um dos sites de encontros mais antigos - foi fundado em 2004 - e em 2012 lançou uma aplicação. Nos dias de hoje baseia-se na compatibilidade entre pessoas: tens formulários extensos sobre diversos temas para encontrares alguém com valores em comum. É, portanto, para quem quer mais do que algumas fotografias para iniciar uma conversa.

Happn

A Happn funciona de forma semelhante ao Tinder – junta pessoas apenas quando ambas as partes mostram interesse –, mas em vez de mostrar os utilizadores que estão nas proximidades, permite-te encontrar pessoas com quem já te cruzaste. Dá-te, assim, uma segunda oportunidade para falares com aquela pessoa que viste no autocarro ou num restaurante.

Bumble

O Bumble foi criado por uma cofundadora do Tinder, Whitney Wolfe Herd, que quis mudar as regras tradicionais do mundo dos encontros - nesta app o primeiro passo é delas. Quando é feita uma ligação heterossexual, cabe unicamente às mulheres mandarem a primeira mensagem. Se não o fizerem, a ligação expira ao fim de 24 horas, no entanto os homens têm uma última hipótese de salvar o match, com a opção de alargar a duração da ligação por mais 24 horas. Para além da vertente romântica, o Bumble tem outras duas ofertas: o Bumble Bizz, para networking profissional, e o Bumble BFF, para travar novas amizades.

Apps
Digital Culture

Badoo

Com mais de 300 milhões de utilizadores em todo o mundo, o Badoo mistura várias características de outras apps: tem o sistema de “swipping” do Tinder, um sistema de verificação de perfis como o Bumble e permite-te ver quem se cruzou contigo como o Happn. No entanto, tem uma opção muito própria: através de um sistema de reconhecimento facial podes encontrar um possível match que se pareça com a tua celebridade favorita.

HER e Grindr

Apesar de quase todas as aplicações modernas terem várias opções no que toca à orientação sexual, há algumas específicas para o espectro LGBTQ. O Grindr é das apps de dating mais antigas e é dedicada a homens gay, bissexuais e curiosos. A HER, como o nome indica, é para todas aquelas que se identificam como mulheres e querem explorar diversas opções - desde uma namorada, até a uma amiga numa cidade nova ou uma companheira para uma viagem.

The League

Para os mais elitistas temos a The League, que se apresenta como um serviço de dating para solteiros ambiciosos e com um bom currículo académico ou profissional.
Criar um perfil não é tão simples como algumas outras apps: é preciso inserires o teu número de telefone e dares acesso às tuas contas de Facebook e Linkedin, para a empresa verificar a tua informação. Depois é só ficares à espera: podes ser logo aceite, rejeitado ou colocado numa lista de espera. Se fores aceite, existe uma versão gratuita mas a maioria opta pela opção paga. Não é uma app para toda a gente, mas se ligas bastante ao background académico ou profissional de possíveis parceiros, esta pode ser a opção certa para ti.

Apps
Digital Culture

Plenty of Fish

A POF é dos serviços de encontros mais antigos e um dos maiores, com 150 milhões de pessoas registadas mundialmente e quatro milhões de utilizadores diários. É uma das aplicações gratuitas para solteiros que permite mensagens ilimitadas e, tal como algumas outras apps, tem testes e quizzes prévios para ficar a “saber” aquilo de que gostas e não gostas.

Love Flutter

Para quem prefere deixar as aparências de lado, aqui a primeira impressão faz-se por escrito. No Love Flutter apresentas-te com pequenos textos, tweets e traços de personalidade antes de fazeres “swipe”; só quando começas a trocar mensagens é que vão sendo reveladas as fotografias de cada um.

Coffee Meets Bagel

Nesta app, menos é mais. A Coffee Meets Bagel apresenta-te apenas alguns possíveis matches por dia, com base nos interesses que tens no Facebook, para que haja menos “swiping”. A partir daí, tens 24 horas para decidir se queres iniciar conversa ou não.

Produtos Comparados

Limpar Tudo

×
Utilização de cookies:Ao continuar a sua navegação está a consentir a utilização de cookies que possibilitam a apresentação de serviços e ofertas adaptadas aos seus interesses.Pode alterar as suas definições de cookies a qualquer altura.Saiba mais aqui.