Taylor Swift
Taylor Swift
Música
Cultura

Toda a história
sobre Taylor Swift

A cantora Taylor Swift faz parte do mundo da música há já 13 anos. Em 2006, o single de estreia “Tim McGraw” deu-nos a conhecer uma rapariga de caracóis loiros e olhos azuis que usava bo-tas de cowboy e cantava sobre rapazes e carrinhas Chevy. O mundo apaixonou-se e, desde aí, não deixou de estar atento à superestrela.

A cantora começou no mundo country, em Nashville, apenas com 14 anos, e agora, prestes a completar o seu 30º aniversário, conta com 7 álbuns no bolso - “Lover”, o sétimo e mais recente disco, viu a luz do dia a 23 de agosto. Até agora Swift tem conseguido manter o seu domínio nas rádios e plataformas de streaming, no entanto, o seu percurso ascendente não se deu sem alguns percalços e polémicas.

A vida de Taylor Swift

Quando se descreve a infância da Taylor Swift falamos de um cenário idílico: nascida a 13 de dezembro de 1989, a cantora cresceu numa quinta de árvores de Natal na Pensilvânia, com o irmão Austin e os pais Andrea e Scott. Com 11 anos ficou obcecada com a música das maiores artistas do mundo country, como Shania Twain e as Dixie Chicks, e depois de ver um documentário sobre a Faith Hill convenceu os pais de que tinha de ir a Nashville, no Tennessee, entregar a executivos musicais CD´s com covers de músicas country. A excursão não teve os resultados esperados e Swift voltou para casa determinada a encontrar algo que a fizesse destacar dos demais. A solução foi aprender a tocar guitarra e começar a escrever as suas próprias letras, um talento que parecia vir-lhe naturalmente. Quando voltou a Nashville, um ano depois, a recepção já foi bem diferente.
Em 2005, a sua apresentação num café em Nashville chamou a atenção de Scott Borchetta, um antigo executivo da Universal Music que se preparava para lançar a sua editora, a Big Machine Records. Borchetta acabou por contratar Taylor Swift e a cantora começou a preparar o seu primeiro álbum, que viria a ser lançado em 2006.

Polémicas sobre Taylor Swift

Ao longo da carreira de Swift, os tabloides estiveram quase sempre obcecados com as suas conquistas amorosas. Apenas recentemente é que esse fascínio parece ter diluído, depois de um período em que a cantora esteve solteira e por estar há alguns anos com o mesmo namorado, o ator Joe Alwyn. No entanto, durante largos anos os slideshows com suposições sobre ex-namorados famosos multiplicaram-se na Internet e o tema era piada constante em cerimónias de prémios e programas de comediantes. Foi também durante os primeiros anos da carreira de Taylor Swift que se deu um dos incidentes mais famosos da sua carreira, quando Kaney West interrompeu o seu discurso vencedor nos VMA’s para defender um videoclip da Beyoncé. Tinha assim começado uma das maiores “guerras” entre celebridades, que se agravou quando Kanye começou a namorar com Kim Kardashian, e que continua até hoje (muitos suspeitaram que o vídeo do single “Look What You Made Me Do”, de 2017, era uma resposta directa aos haters e ao casal Kardashian West).

Discografia

Os três primeiros álbuns da Taylor Swift - antes de singles como “Shake It Off”, “We Are Never Ever Getting Back Together” e “Blank Space” - tinham uma estética baseada em contos de fadas e vestidos de princesa. Em "Taylor Swift" (2006), "Fearless" (2008) e "Speak Now" (2010), a cantora-compositora cantava músicas sobre rapazes, paixonetas e vivências de adolescente e o mundo ficou obcecado em adivinhar sobre quem é que a cantora escrevia as suas letras pessoais.





Em 2012 iniciou-se uma época diferente para Taylor Swift. Com o álbum "Red" Swift ainda tentou ter os dois pássaros na mão, o country e a pop, mas a direcção da sua carreira musical era clara, com o mainstream como destino final. Este foi também um período visualmente muito diferente - a cantora cresceu, deixou de usar vestidos de princesa e passou para o baton vermelho e roupas mais arrojadas

Dois anos mais tarde deu-se o grito de Ipiranga, com "1989". A cantora deixou de vez o country e fez um álbum assumidamente pop. A partir daí, nunca mais olhou para trás - seguiram-se "reputation" (2017) e agora “Lover” (2019).

Melhores Músicas

Com seis álbuns editados e o sétimo recentemente lançado, é difícil escolher quais as músicas mais consensuais de Taylor Swift. O álbum “Red” parece ser o que mais alinha os críticos de música e os fãs, mas cada um tem as suas preferências. Para uma lista mais objetiva, propomos uma viagem por algumas das músicas que contam a história da transição de Taylor Swift do country para a pop:

“Tim McGraw” (2006) - O single de estreia deve o seu título a um dos maiores cantores de country, cuja mulher - Faith Hill - é uma das heroínas musicais de Taylor Swift. A música que a cantora escreveu no 9º ano conseguiu passar várias semanas no Top 100 da Billboard.

"You Belong With Me” (2008) - O terceiro single do segundo álbum de Taylor Swift conta a história de um interesse amoroso aparentemente não correspondido e, na altura em que foi lançado, tornou-se na música mais popular de Swift na tabela da Billboard. Na cerimónia dos VMA’s desse ano, Taylor Swift ganhou o prémio de “Best Female Video” e foi durante o seu discurso de vencedora que Kanye West protagonizou o seu “grande” momento.

“We Are Never Ever Getting Back Together” (2012) - Quando Taylor Swift quis transitar para a pop, ela fê-lo de maneira explosiva. Trabalhou com os mega-produtores suecos Max Martin e Shellback e conseguiu o primeiro #1 da sua carreira e uma nomeação para um Grammy.



“Shake It Off” (2014) - Para este estrondoso sucesso, Swift voltou a colaborar com Max Martin e Shellback e a equipa deu-lhe novamente frutos: a música estreou no topo da lista da Billboard e, segundo a mesma empresa, foi a maior estreia na tabela Hot 100 da cantora - o single permaneceu no top durante 50 semanas.

Taylor Swift em Portugal

Apesar de já ter feito cinco digressões, com datas na Ásia, Europa, América do Norte e Oceânia, Taylor Swift nunca fez uma paragem em Portugal. Como a maioria dos grandes artistas, o mais perto que já esteve do nosso país foi em Espanha. Será que a nova era musical de “Lover” trará finalmente a superestrela a Portugal?

Comparar Produtos

    Comparar Produtos

    ×
    Utilização de cookies:Ao continuar a sua navegação está a consentir a utilização de cookies que possibilitam a apresentação de serviços e ofertas adaptadas aos seus interesses.Pode alterar as suas definições de cookies a qualquer altura.Saiba mais aqui.