melhores produtos para tornares os teus animais mais felizes
melhores produtos para tornares os teus animais mais felizes
Atualidade
Lifestyle

Os Melhores Produtos para
Tornares os teus Animais
mais felizes

Algumas pessoas adoram os seus animais tanto ou mais do que os seus filhos e fazem de tudo para que os seus cães, gatos, peixes e pássaros (e restante cadeia animal) tenham tudo aquilo que merecem. Dos produtos de higiene e bebedouros aos brinquedos e gadgets, reunimos aqui alguns dos mais úteis e mais divertidos produtos para os companheiros felpudos da tua família.

Para cães

Comedouros e Bebedouros

Ter uma fonte de água limpa e fresca encoraja os animais a hidratarem-se, o que desempenha um fator importante na saúde a longo prazo do teu cão. Ter um bebedouro com água a correr é, por isso, uma excelente opção. Quanto à comida, se passas algum tempo fora de casa, um dispensador automático de comida pode ser uma grande ajuda com as tuas rotinas. E se tens um cão que come demasiado rápido ou que tem tendência a engordar ou inchar, um comedouro que prolongue a hora da refeição e a transforme num desafio pode ser a solução para estes problemas alimentares.

Transporte

Se tens um pequeno cão e precisas de o transportar de carro, avião ou transportes públicos, então precisas de uma mala específica (se tiveres um cão grande é necessária uma caixa de transporte mais sólida). Estes sacos impedem que o teu companheiro escape em lugares públicos enquanto viajas, mantém-no seguro no meio do trânsito ou ruas cheias e pode acalmá-lo durante a situação possivelmente stressante que é ir para um sítio novo.

Roupa

Os casacos impermeáveis são especialmente úteis para cães que têm de ser passeados diariamente e que, num dia de chuva, podem ficar ensopados e sujar a casa quando regressam. Com este acessório o teu patudo fica menos sujo e molhado e tu poupas tempo a limpá-lo a ele e à casa.

Atualidade
Lifestyle

Para gatos

Arranhadores

Todos os gatos precisam de um arranhador e, de preferência, um que seja alto para eles também se poderem espreguiçar. Até porque, sem um em casa é provável que a tua bola de pelo encontre outro sítio, como um sofá, para arranhar.

Brinquedos

Já ouviste falar de brinquedos para entreter a tua fera felina enquanto está fora de casa e que pelo caminho ainda estimulam os instintos de caça do teu gato? Vais ver que, no final do dia, quem vai ficar entretido és tu. E para casas com vários gatos, nada melhor do que uma árvore, onde animais mais tranquilos podem descansar nos andares térreos e gatos mais vigilantes podem trepar até ao topo para observar o seu “reino”.

Atualidade
Lifestyle

Higiene e Limpeza

Para prevenir um excesso de bolas de pelo podes ajudar o teu gato com uma escova que seja capaz de escovar a camada de cima e, assim, descartar todos os pelos mortos.
Quanto à areia, a melhor é sempre aquela capaz de afastar maus odores mas sem acrescentar outros cheiros esquisitos à mistura. Já a deve ser antiaderente, para não ficar completamente imunda no final e deve ser um instrumento robusto e com um bom tamanho.
Da mesma forma, a caixa de areia quer-se simples: grande o suficiente, para o teu gato poder movimentar-se e fazer o que tem a fazer confortavelmente, e também ser aberta nos lados, para o teu gato poder continuar a ter tudo sob controlo debaixo do seu olhar atento.

Abandono Animal

Em Portugal, os centros de recolha oficiais recebem, por ano, cerca de 30 mil animais. Estes gatis e canis municipais estão sobrelotados e todos os anos o cenário repete-se, especialmente no verão, sendo que menos de 35% dos animais são adotados; a maioria dos outros acaba por viver uma vida inteira nestes centros.

Como combater o abandono animal?

Estima-se que no nosso país existam dezenas de milhares de animais de companhia abandonados, mas convém lembrar que quando se fala de abandono de animais fala-se de um crime público. Assim sendo, desde 2014 qualquer cidadão pode denunciar situações de abandono e/ou maus tratos a animais junto da PSP ou GNR, pois passou a ser um ato penalizado com pena de prisão ou multa.
Mas como é que se pode combater estes números altíssimos de abandono, para além da via da criminalização? Tudo começa com uma decisão consciente: nenhum animal deve ser visto como um objeto e nenhuma adoção deve ser encarada como temporária. Se uma pessoa estiver consciente do tempo, dinheiro e energia que os animais necessitam, as expectativas já estarão mais alinhadas para o que aí vem. É, por isso, muito importante a consciencialização da população e a preparação prévia de quem quer adotar.

Como ajudar um animal abandonado?

Se encontrares um animal perdido na via pública não deves assumir imediatamente que ele está perdido. Procura sinais do dono, observa o aspeto do animal, se está bem tratado e se tem coleira. Se efetivamente se tratar de um animal perdido, aproxima-te dele com calma e tenta “conquistá-lo” com comida. Quando o animal te deixar aproximar o ideal é levá-lo a uma clínica veterinária, caso a coleira não tenha nenhuma referência aos donos; aqui os médicos verificam se o animal tem um microchip com mais informação. Se mesmo assim continuares sem sorte, o melhor é anunciar que encontraste um animal em sites, nas redes sociais e nas ruas perto de onde o encontraste. Infelizmente, muitos animais perdidos não se voltam a reencontrar com os seus donos. Podes tentar encontrar uma nova casa para ele ou comunicar à câmara municipal, mas neste último caso o animal poderá acabar num canil ou gatil sobrelotado onde se poderá ter que recorrer à eutanásia. O melhor é mesmo tentares arranjar uma nova família para o bichinho ou insistires em encontrar o seu dono.

Atualidade
Lifestyle

Produtos Comparados

Limpar Tudo

×
Utilização de cookies:Ao continuar a sua navegação está a consentir a utilização de cookies que possibilitam a apresentação de serviços e ofertas adaptadas aos seus interesses.Pode alterar as suas definições de cookies a qualquer altura.Saiba mais aqui.